USP recebe título de universidade mais sustentável da América Latina

Pesquisa é feita desde 2010 por instituição da Indonésia; objetivo é alertar sobre as mudanças climáticas

SHARE
, / 0

A Universidade da Indonésia divulga anualmente o UI GreenMetric World University Ranking, que classifica as instituições de ensino superior mais sustentáveis do mundo.

No ranking de 2018 recém-divulgado, a Universidade de São Paulo (USP) aparece na 23ª posição, o que a intitula como a instituição da América Latina que apresenta as melhores práticas de redução de impacto ambiental. Em 2017, a USP estava na 28ª posição.

A universidade holandesa Wageningen University & Research é a primeira colocada; em seguida aparecem a University of Nottingham, do Reino Unido, e a norte-americana University of California Davis.

GreenMetric

A pesquisa, realizada desde 2010, é conduzida por uma rede global de especialistas, que visam discutir práticas diárias e projetos no ensino superior de todo o mundo voltados à sustentabilidade.

Nesta edição, 719 instituições de 81 países participaram. A adesão é voluntária, ou seja, o levantamento trabalha somente com dados de instituições que desejam participar do ranking.

O objetivo é valorizar aquelas que se preocupam com o meio ambiente e, consequentemente, com as mudanças climáticas, além de alertar as demais para os cuidados com a natureza.

O ranking possui seis indicadores com pontuações diferentes: infraestrutura e áreas verdes (21%); energia renovável e mudança climática (21%); desperdício/reciclagem (18%); tratamento de água (10%); transporte (18%); e educação ambiental (18%).

Brasil no ranking

Das mais de 20 instituições brasileiras classificadas como as mais sustentáveis do mundo, segue o posicionamento das dez primeiras:

Universidade de São Paulo – 23ª posição

Universidade Federal de Lavras – 38ª posição

Universidade Positivo – 99ª posição

Centro Universitário do Rio Grande do Norte – 153ª posição

Universidade Federal de Viçosa – 219ª posição

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais -282ª posição

Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – 296ª posição

Universidade Federal do Triângulo Mineiro-  310ª posição

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – 311ª posição

Universidade Federal do Rio Grande do Sul – 349ª posição

Usp universidade mais sustentável

Usp, Praça do Relógio ( Foto: Marcos Santos)

Leia também:

Qual o papel das IES na agenda dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU

Em duas décadas, ensino superior é obrigado a se reinventar

Artigos relacionados

<

Comentários

comentários

 blog.aidol.asia youngteens.net a-coon.com

PASSWORD RESET

LOG IN