Gestão

Docentes negros podem se candidatar a vagas exclusivas até 4 de agosto

Iniciativa visa construir e fortalecer a cultura de diversidade e inclusão da Ânima Educação

“Preocupação legítima com a diversidade”, é assim que Kika Gomes, diretora de recrutamento e seleção da Ânima Educação, descreve o compromisso da empresa com um corpo docente mais plural. A Ânima é um ecossistema de ensino que conta com 18 instituições de ensino superior (IES) em seu leque de universidades e, neste ano, realiza o terceiro ciclo da iniciativa que oferece vagas exclusivas para educadores negros. Os interessados podem se candidatar até 4 de agosto.


Leia: Equidade na educação sob a ótica do professor


As oportunidades, que englobam diferentes áreas do conhecimento, são para professores e professoras que se autodeclaram pretos ou pardos. Kika acredita no sucesso da iniciativa, mas ressalta que, perto do que é previsto atingir, ainda há poucos profissionais negros dentro das instituições. A meta do ecossistema é chegar a 30% em 2025. 

De acordo com dados divulgados pela Ânima à Plataforma Ensino Superior, a procura tem aumentado: até o momento, cerca de 900 profissionais se cadastraram para as vagas. “Realmente dá muito orgulho porque começou muito tímido”, explica a diretora de recrutamento. “Acho que havia até uma descrença dos professores universitários [em relação ao chamado], mas estamos com um banco de dados bastante robusto”, complementa.

O número de vagas varia de acordo com a demanda dos cursos mas, no momento, são aproximadamente 200 vagas disponíveis. A Ânima destaca que, em alguns casos, o docente pode ser chamado no próximo ciclo, caso não haja disciplina disponível para a especialidade dele no momento.

vagas inclusão docentes negros
Para se candidatar é preciso ter o título de mestre

Educação antirracista

Para Kika Gomes, a integração de educadores negros é essencial para a oferta de uma educação antirracista nas IES. “Esse é um dos pilares”, garante. “A atuação desses professores é fundamental para o convívio dos nossos alunos, dos quais muitos são pretos ou pardos. Eles têm muito mais condições de propor discussões do que talvez os professores brancos tenham, porque é uma outra perspectiva. Essa perspectiva traz uma riqueza de olhar completamente diferente e o importante é isso: um olhar diverso que, hoje, talvez tenhamos muito restrito devido ao número reduzido de professores negros”, salienta.

Para se candidatar é preciso ter o título de mestre, exigido para todas as vagas docentes da organização educacional. A iniciativa é da Ânima Plurais, política institucional que visa construir e fortalecer a cultura de diversidade e inclusão da companhia. Os interessados têm até o dia 4 de agosto para realizar a inscrição em: http://vagas.com.br/v2361853

Além das vagas ofertadas com exclusividade para profissionais negros, a companhia está na terceira turma do Programa de Aceleração de Carreiras, que promove mentorias para pessoas pretas e pardas já integrados ao ecossistema. As mentorias consistem no acompanhamento e no desenvolvimento individual de cada educador que se candidata ao programa. 


Serviço

Vagas exclusivas para docentes negros

Requisitos: pós-graduação no nível ‘especialização’

Atividades desempenhadas pelo profissional:

  • Planejamento e execução das aulas
  • Desenvolvimento e aplicação de atividades avaliativas
  • Interface com a coordenação de curso

Inscrições: http://vagas.com.br/v2361853.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.