Fundacred lança plataforma gratuita de vestibular digital para IES

A ferramenta oferece segurança, agilidade e personalização. Fundação a disponibilizará para mais de 250 instituições conveniadas no Brasil

SHARE
,

A Fundacred, fundação sem fins lucrativos de crédito educacional, está lançando no mercado uma nova plataforma de vestibular digital. A funcionalidade será oferecida gratuitamente para as mais de 250 instituições de ensino superior conveniadas em todo território nacional, possibilitando que os exames para ingresso de novos estudantes no ensino superior sejam realizados totalmente à distância e com segurança.

Leia: Recursos para rentabilidade de IES privadas devem ir além de mensalidades

“Compreendendo o cenário de pandemia e a consolidação da modalidade a distância em cada vez mais atividades, buscamos desenvolver uma plataforma que leva agilidade e performance para o universo acadêmico como um todo. Aos estudantes, significa prestar o vestibular em casa ou em qualquer lugar com conexão à Internet, eliminando o tempo de deslocamento e a exposição em locais fechados. Já para as instituições é mais uma opção de captação, totalmente gratuita e com uma série de recursos de segurança digital, além de ser ajustável de acordo com as necessidades de cada IES”, afirma Alessandro Lohmeyer, head de relacionamento e novos negócios da Fundacred.

Como funciona a plataforma de vestibular digital

Ao aderir à ferramenta de vestibular digital desenvolvida pela Fundacred, a instituição pode criar uma página inicial personalizada com sua identidade visual e exigências. A própria IES tem autonomia para cadastrar os cursos, os campus ou as unidades, os processos seletivos (primeiro ou segundo semestre) e o tipo de prova, bem como fornecer mais informações sobre a estrutura das faculdades.

vestibular digital
Segurança: caso o candidato saia da página da prova, fica sinalizado o aviso de “alteração de aba”
(Foto: Pexels)

São disponibilizados três cenários para os exames: apenas objetivo; apenas redação; e misto (questionário e redação). Tal qual o já conhecido vestibular tradicional, o candidato terá um prazo limite (estipulado e configurado pela Instituição de Ensino) para concluir a prova.

Para inibir eventuais tentativas dos estudantes de burlar o processo, a chamada “cola”, a plataforma conta com um monitoramento da tela do computador. Caso o candidato saia da página da prova, fica sinalizado o aviso de “alteração de aba”.

A própria plataforma ainda oferece um dashboard para acompanhamento de todo o processo seletivo: inscrições, provas, matrículas, período do vestibular, status de realização da prova, aprovações, reprovações e impugnação de processos.

“Utilizamos a tecnologia a nosso favor ao desenvolver essa nova ferramenta de vestibular digital, ou seja, levando ao setor da Educação uma opção de captação prática e segura. Passamos por um momento inédito e de transformação na sociedade, que exige de todos nós novas soluções e alta capacidade de adaptação, com estratégias robustas e, ao mesmo tempo, flexíveis para se ajustarem ao cenário atual e também aos novos modelos que vem sendo construídos”, analisa Nivio Delgado, diretor executivo da Fundacred.

Leia também:

Com apoio do EAD, ensino superior privado cresce, mas taxa de escolarização líquida não avança

Educação superior pós-pandemia: uma janela para o futuro

Artigos relacionados

Comentários

comentários

 youjizz

best replica watches

  blog.aidol.asia youngteens.net a-coon.com

PASSWORD RESET

LOG IN